18 de outubro de 2007

serendipity/zemblanity

minha pimenteira, dando flor... ajuda a espantar exú! :P

minha vida é mais que aleatória, nada sai como o planejado. nem como o rascunho do planejado. sequeeeer seguindo alguma linha guia, alguma base, indo vagamente na mesma direção. não que eu queira ir pra direita e vá pra esquerda, o que acontece é que geralmente eu quero ir pra direita e acabo indo sei lá, pra cima. espiralando. de ponta cabeça e cantando ainda.

acontecimentos inesperados que deixam tudo fora do lugar são meio constantes, dessa forma. dependendo do resultado desses acontecimentos, essa situação toda é chamada ou de serendipity ou de zemblanity. serendipity é quando algo inesperado leva a outra coisa na qual você não esperava chegar, mas é uma coisa boa. quando algo aparentemente sem relação leva um resultado inesperado e satisfatório a um problema que você tenha. como o banho de arquimedes (aquele que saiu pelado gritando eureka), a criação do microondas e dos post-its, ou a invasão dos turcos à anatólia em 1071, que fez com que os sábios de constantinopla fugissem pra itália e dessem início ao renascimento. já zemblanity é o oposto, é quando o inesperado leva a um total desastre. acidentes aéreos, que geralmente são um conjunto de erros pequenos isolados que, juntando, geram uma merda fenomenal, dão um ótimo exemplo. o auxílio americano a grupos islamitas radicais com dinheiro e armas levou ao 11 de setembro. etc etc etc.

semana passada tudo ficou mais ou menos de ponta cabeça. um erro de agenda fez com que eu perdesse uma inscrição de concurso. um ônibus perdido fez com que eu reencontrasse uma amiga. outro ônibus saiu mais cedo e fez com que eu não viajasse no dia certo com a leleca. nós chegando atrasadas à rodoviária e meu pai me deixando no portão errado também não ajudaram muito. no dia seguinte, não precisei fazer o barraco que eu queria tanto, a companhia de ônibus reconheceu o erro, trocou as passagens e eu finalmente pude viajar pra ver o leandro. uma dor aleatória fez com que eu ganhasse massagem e um monte de beijos do namorado. outra dor inesperada fez com que eu encontrasse um colar que quero usar no casamento de sábado (tava dentro da caixa de remédios... desorganizada, eu?)

estou esperando pra ver no que essa semana vai dar... se vai ser serendipity ou zemblanity :)

2 comentários:

Ang disse...

Lembre sempre, há organização até no caos auhahuuhahua

=p

boas surpresas na semana ahhua

beijos

Leleca disse...

Lembre sempre, há caos até na organização!

(acredito mais nesse, em conjunto com a frase preferida do liber: "o homem planeja e deus ri)

e eu precisando tricotar com você!

:****